Gel volumão: como era antes e como consegui o que queria depois – Rota99 Acompanhantes, Encontros e Serviços
Para uma melhor experiência, mude seu navegador para CHROME, FIREFOX, OPERA ou Internet Explorer.
Gel volumão: como era antes e como consegui o que queria depois

Gel volumão: como era antes e como consegui o que queria depois

Meu único arrependimento em relação ao gel volumão foi não ter começado a usar antes. Afinal, as melhorias (e talvez até milagres) que esse produto trouxe para a minha vida me fizeram ser o homem feliz e bem sucedido que me considero hoje. E isso é muito, considerando que eu nunca achei que pudesse conquistar uma família e vencer as minhas inseguranças.

Mas vamos começar pelo começo. Antes de mais nada, meu nome é Leonardo e, hoje, tenho 34 anos, uma esposa belíssima chamada Érica e um filho pequeno, o Victor, de 6 meses. Nós estamos casados há 2 anos, pouco tempo depois de eu ter começado a usar o gel volumão. Porque antes, eu não podia nem pensar em me apaixonar por uma mulher como a Érica.

Isso porque eu tinha um problema que me apavorava desde adolescente: o pênis pequeno. Aprendi na marra que aquela história de “tamanho não é documento” não passava de chacota. Mesmo antes de pensar em conhecer mulheres, eu já sofria com as piadas dos outros meninos no vestiário.

Na verdade, os comentários sobre o tamanho do meu pênis começaram a ser tão incômodos que, aos 16 anos de idade, eu pedi para os meus pais solicitarem a dispensa das aulas de educação física. Afinal, eu não queria ter que me trocar na frente dos outros meninos e ter que aguentar os comentários.

Infelizmente, conforme eu crescia, tudo só piorava.

Como era antes do gel volumão

Assim como todos os adolescentes, eu também me interessava pelas meninas na escola. Porém, o problema é que os rumores sobre meu pênis pequeno já tinham se espalhado até para as meninas de outras salas. Então, enquanto os meus “amigos” namoravam, eu não tinha coragem nem de falar com alguma menina.

E aí veio a faculdade e deveria ser ano novo, vida nova, né? Eu estava em um lugar onde ninguém me conhecia e finalmente podia virar a página e começar a procurar alguém para mim. De repente, eu conheci a Ana, que era da minha turma. Eu chamei ela para sair e comecei a conversar com ela todos os dias. (Gostaria de ter conhecido o gel volumão já nesta época.)

No nosso segundo encontro, estávamos em um barzinho no centro da cidade e ela perguntou se eu gostaria de ir para casa com ela. Como a Ana morava sozinha, eu topei na hora e estava animado para finalmente ir para a cama com uma mulher. Porém, aquela noite virou um dos meus pesadelos.

Assim que a Ana viu meu pênis, ela ficou claramente desconfortável. Ana tentou disfarçar, mas eu sabia que ela estava que nem os meninos do vestiário. Coincidentemente, alguém “ligou” para ela com uma emergência e ela pediu para eu ir embora. Foi então que a minha busca começou.

O que é gel volumão e como eu conheci o produto

Por anos, eu tentei todos os tipos de tratamento. Eu usei o Viagra e diversas outras pílulas que não resolveram o meu problema. Aliás, elas não só não resolveram o problema, como me fizeram sentir o coração acelerado, tontura e vários outros efeitos colaterais.

Quando eu passei dos 30, decidi que já não dava mais para viver assim, inseguro cada vez que ia para a cama com uma mulher. Então, decidi consultar um profissional. A minha sorte foi ter me deparado com o contato do Dr. Edson.

Logo na primeira consulta, ele me falou do gel volumão e como aplicar. Eu fiquei em dúvida, já que estava descrente em relação a qualquer tipo de medicamento. Então, pedi para que ele me fornecesse mais informações.

Surpreendentemente, o Dr. Edson logo me disse que eu não sofreria com nenhum efeito colateral. Afinal, além de ser aprovado pela Anvisa, o gel volumão é feito somente com ingredientes naturais. Logo, ele poderia aumentar o meu pênis em até 4cm!

Segundo ele, eu devia aplicar o produto sempre 2x ao dia, de preferência 30min antes de relações sexuais. Como eu tinha um encontro marcado naquela semana, fui para casa doido para comprar o produto.

Gel masculino volumão funciona?

Eu estava muito acostumado a comprar coisas pelo Mercado Livre. Porém, o Dr. Edson me alertou sobre quadrilhas que clonavam o gel volumão e vendiam produtos com qualidade questionável. Para isso não acontecer comigo, eu decidi que compraria pelo site oficial do produto. Mas não sem antes pesquisar um pouco mais.

Qual foi a minha surpresa quando eu descobri que o gel volumão funciona no Reclame Aqui. Eu entrei esperando ver vários comentários sobre fraudes e outros problemas. Porém, tudo o que eu achei foram elogios e um baixíssimo índice de reclamações. Fiquei ainda mais animado e comprei o produto.

Eu usei o produto por 3 dias antes do meu encontro. Então, apliquei 30min antes das relações sexuais e tive uma surpresa enorme (literalmente!).

Resultados com o gel volumão

Já naquele dia, eu percebi um aumento no tamanho do meu pênis. Além disso, o meu desempenho sexual também foi muito melhor. Eu fiquei com ela a noite toda e tivemos uma noite incrível de prazer.

Continuei usando o gel volumão e, depois de alguns meses, percebi que o tamanho do meu pênis aumentou de 12cm para 16cm. Pode parecer pouco, mas isso fez uma diferença enorme na minha vida.

Com o tempo, deixei de ser tão inseguro. Já conseguia flertar com as mulheres e, felizmente, conheci a Érica. Nós dois começamos a construir a nossa família e hoje somos muito felizes juntos.

Eu ainda uso o gel volumão para melhorar a minha performance na cama. Com ele, a Érica sabe que eu consigo durar muito mais tempo e tenho mais disposição para mantê-la satisfeita. Então, como eu disse no começo, o meu único arrependimento é não ter conhecido o gel volumão antes.

Logo, se você também quer parar de sofrer com o tamanho do seu pênis e transformar a sua vida, consulte o site oficial para conferir todas as formas de pagamento e adquirir logo esse produto tão importante na minha vida. Boa sorte!

ACESSAR SITE OFICIAL DO GEL VOLUMÃO

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários Recentes

Comentários

Arquivos

Categorias

Top